sábado, 31 de janeiro de 2015

Rendição - Letting go - Maya Banks

Rendição
Editora: Quinta Essência
Autor: Maya Banks
Ano: 2014
Edição: 1
Número de páginas: 334
Compre aqui:
*Saraiva *Submarino

Primeiro livro da trilogia 'Surrender' da querida titia Maya Banks.
Maya é uma escritora interessante, ela quebra tabus, desenvolve histórias que flertam perigosamente com psicopatias e não teme seu público leitor.
Eu sou leitora assídua da moça há bastante tempo.
Já discorri várias resenhas sobre uma das melhores séries dela - KGI - e sinceramente não entendo como ninguém publicou no Brasil ainda.
Enfim, senta que lá vem a história:
Joss foi casada com o dito 'homem perfeito', claro que ela sempre teve desejos que nem sempre foram saciados, mas ele era o homem perfeito.
Carson era atencioso, amoroso e completamente apaixonado por Joss, até que um terrível acidente te tira a vida.
Joss passa anos se lamentando e vivenciando o papel de viúva, sempre amparada pelo melhor amigo de Carson, Dash, sua cunhada e sua melhor amiga.
Chega nais um aniversário de morte e Joss decide que chegou a hora de seguir em frente.
Capa original
No entanto, como Joss não acredita que seja possível encontrar o amor novamente e resolve se entregar a fantasia, como sempre desejou ser praticante de BDSM, vai ao principal clube de praticantes da cidade e busca orientações. (para quem não está muito familiarizado, é a prática sexual que envolve concordância em desenvolver papeis de dominante e submissão, resumidamente)
Em seu primeiro encontro na casa ela topa de frente dom Dash, que é dom há muitos anos.
Dash foi amigo e sócio de Carson por muitos anos e sempre foi completamente apaixonado por Joss, tanto que Carson sabia e não se afastou por profunda confiança.
Dash ficou a espreita aguardando o luto de Joss para se declarar e é com surpresa e choque que ele a vê entrando no clube de BDSM ao qual é sócio de mãos dadas com outro dominante.
Obviamente, ele não permite que outro reivindique o que sempre esperou que fosse seu e busca Joss imediatamente.
Ao tomar ciência de sua fantasia sexual, Dash pede a chance de ser o homem que ela procura...
Impossível não sentir um certo mal estar co a história de Dash e Joss, eles amavam Carson e para mim é bastante estranho.
Maya Banks traz uma história recheada de muito sexo, fantasias, cenas bastante exploradas nesse campo.
Confesso, talvez por ser uma leitora de muitos anos da autora, que várias passagens me geraram um sentimento de déjà vu, cenas que já havia lido em outras séries da autora.
Fiquei um pouco incomodada também com algumas passagens piegas da tradução que usou termos como 'sofreguidão'. *uuuuuuuuuuuuuuiiiii!!!*
Mas de um modo geral, vale a leitura.



Um comentário:

Ana disse...

Não quero ler, já me bastou o primeiro livro da Trilogia Sem Fôlego - Obsessão, em que duas cenas me fizeram odiar os protagonistas.

Postar um comentário

Comentários preconceituosos e desrespeitosos serão ignorados. Manifeste sua opinião com educação. =)