quarta-feira, 12 de março de 2014

O Pedido - The Proposal - Katie Ashley

A Proposta
Autor: Katie Ashley
Editora: Pandorga
Ano Edição: 2013
Número Edição: 1
Páginas: 289
Compre aqui:
*Cultura*Saraiva

Segundo volume da série The proposition, sendo que o primeiro foi resenhado aqui recentemente.
Por se tratar de uma continuidade, é possível que você encontre alguns spoilers do livro anterior nessa resenha.


  • A proposta
  • O pedido
  • The Pairing: A Companion Novel to The Proposition and The Proposal
    Emma se aproxima dos 30 anos e o desejo de ser mãe está distante de ser real.
  • Além disso, amarga perdas irreparáveis.

    Perdeu o pai cedo na vida, a mãe para o câncer mais recentemente e o namorado/noivo/amor da vida e único para um acidente de carro.
    Após algumas tentativas frustradas de encontrar um novo amor, ela decide começar uma família como mãe independente.
    O maior mulherengo da firma, que já tentou uma investida frustrada com a moça, se propõe ao cargo de doador na condição de ser feito de forma tradicional.
    Como foram necessárias várias tentativas até a gravidez se concretizar e o casal aprende que há muito em sintonia entre eles.
    O amor floresce e um relacionamento se consolida.
    Pouco a pouco as coisas vão ficando mais sérias e Aidan não consegue lidar muito bem com todo esse compromisso. 
    Numa tentativa de auto-sabotagem, ele leva uma mulher para sua casa e Emma o pega em flagrante.
    O segundo volume começa daqui, dela destruída e ele rastejando em busca do perdão.
    Emma não dá nenhuma chance a Aidan, mas seu tempo com ele gerou fortes enlaces com o pai e irmãs de Aidan.
    O pai de Aidan tem um enfarte e Emma era sua acompanhante no momento.
    Enquanto ele é atendido, ela conhece o médico bonitão e viúvo Pesh.
    Mesmo com sua aparente gravidez, a moça já está de SEIS meses, ele investe na sedução de Emma ao saber que ela está solteira.
    A chegada de Aidan ao hospital não abala a obstinação do médico.
    Com o stress do dia, Emma passa a ter contrações pré-maturas e acaba sendo obrigada a um repouso absoluto de 15 dias.
    Aidan para a vida e se propõe a cuidar dela 24 horas.
    Ela se muda para a casa dele sem reatar e Pesh mantém sua meta de conquistá-la.
    Está aí a estrutura do texto.
    Achei o primeiro volume realmente fraco, mas como haviam muitos comentários positivos do segundo e eu já tinha comprado, decidi dar uma chance.
    Li rápido, até porque queria terminar de uma vez.
    A história é toda forçada, os personagens não nos convencem e a articulação dos fatos é pobre e fantasiosa.
    Um livro fraco e cansativo.
    Podia ter passado sem ele.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Comentários preconceituosos e desrespeitosos serão ignorados. Manifeste sua opinião com educação. =)