sábado, 14 de setembro de 2013

Bienal do livro Rio de Janeiro 2013!!



Bem-vindos a XVI Bienal do Livro do Rio de Janeiro!!
Alguém aí percebeu minha ausência?

Me justifico!
Para quem ainda não sabe, estou com três empregos, voltei para a universidade e ainda mantenho o blog.
Quando fiz minha agenda esqueci de reservar tempo para dormir...
Mas quem precisa dormir, né?
Enfim, com tudo isso e uma viagem ao Rio, não deu tempo de sentar e escrever.
Vamos ao que interessa??
Meu objetivo nesse post é trazer tudo que rolou nos três dias de Bienal que eu pude ir.
A Bienal é vista pelo público como um lugar dos amantes da leitura, pessoas em geral muito educadas e intelectualizadas.
De fato sempre foi assim, mas o público da Bienal cresceu exponencialmente e entendi que a organização do evento não previu isso.
Então, foram dias de muito stress, fila, cansaço, fila, raras idas ao banheiro, fila, poucos lugares para sentar, fila e mais fila.
Os stands das editoras brincavam de fila caracol para entrar e para pagar, super bacana (só que não).
O sentimento claustrofóbico era frequente.
Mas quem vai pra chuva, tem que se molhar e não reclamar, né?

A Bienal para mim é muito mais que ver novidades, é ver autores que gosto, amigos com quem passo o ano dialogando no virtual, é respirar o amor pelos livros.
Moro longe, os gastos por esses três dias são imensos, mas tudo vale a pena.
Depois de 40 minutos na fila para pagar o livro da Carol Sabar (ainda ia pegar a fila de autógrafos) fiz amizade com um carioca, professor de medicina legal, que ficou assustado por saber que eu havia ido ao Rio exclusivamente para o evento.
Esse povo certamente sabe que somos doidos!!
No entanto, é importante frisar que quando se tem acesso a tudo é incompreensível perceber que exista um lugarzinho nos interiores do mundo que nem livraria tem.
Claro que não é meu caso!
Moro na capital de Santa Catarina, mas nossas feiras de livros são deprimentes e caras, sem contar que não trazem blogueiras do Brasil inteiro, né?

Então, meu suado dinheirinho é bem investido quando vou a esse evento bianual!
Em matéria literária, a bienal estava com todos os livros de pré-venda à disposição (pelo menos os que eu queria).
Tinha oferta de livros antigos imperdíveis (como 'A breve segunda vida de Bree Tanner' por 2 reais) e excelentes autores convidados.
Sei que no dia do Nicholas Sparks teve empurra-empurra, gente pisoteada e até mordida pela fúria da multidão.
A situação foi tão limítrofe que o Rei Nicholas afirmou que ignoraria a marcação de 300 senhas, que deixaria de fazer a palestra e autografaria TODOS que quisessem, foram contabilizados 1800 autógrafos! (depois disso não sei se ele volta a escrever, né? hehe)
A diva Emily Giffin não me viu, mas as minhas amadas amigas pegaram um super autógrafo para mim!

As divas brasileirinhas Carol Sabar e Bárbara Morais lançaram seus livros e distribuíram simpatia.
Ainda tive a oportunidade de ver os olhos brilhando e um leve tremor em uma menina no momento que soube que Bruna Vieira estava chegando.
Aliás, que trajetória linda dessa garota! Do interior de Minas Gerais para o mundo!
Queria eu que um fora me levasse tão longe...
Não conhece a história da Bruna? 
Tímida e introspectiva, começou seu blog para trabalhar  suas desilusões e passou a tratar do que gostava, o projeto cresceu, hoje ela mora em Sp, visitou NY e tem dois livros publicados!
Na bienal, tinha um cartaz imenso onde de um lado era a Paula Pimenta do outro Bruna Vieira.
Fina!

Fiquei um dia em função de Sylvia Day, vai pra fila, pega senha, volta pra fila, pega senha de autógrafo, vai pra fila, três horas depois ainda tem 100 pessoas na minha frente, saí da fila e desiste de tudo!
Como não sou de ferro, aproveitei para conhecer o Starbucks e tiramos a manhã de domingo para passear pela polis!
Tudo lindo!!
O melhor de tudo foram as noitadas de papo e ices com a Guta do Murphy's Library, Lívia do Leiturinhas e reencontrar a Cibele do Eu leio eu conto e a Ju-Bolinho do Livros & Bolinhos melhores companhias sempre! s2 
Ahhh!!! Segue o que eu trouxe de lá:











Um comentário:

Larissa disse...

aahhh Bienal foi tudo de bom, já estou morrendo de saudade das loucuras, das milhares de pessoas, dos estandes, do cheiro de livros no ar ♥
mas ano que vem tem mais aqui em SP :))

Beijinhos!
http://nossosromancesadolescentes.blogspot.com.br/

Postar um comentário

Comentários preconceituosos e desrespeitosos serão ignorados. Manifeste sua opinião com educação. =)