domingo, 11 de agosto de 2013

O inferno de Gabriel - Gabriel's Inferno - Sylvain Reynard

O Inferno de Gabriel
Editora: Arqueiro
Autor: Sylvain Reynard

ISBN: 9788580411263
Ano: 2013
Edição: 1
Número de páginas: 511
Compre aqui:
*Cultura*Saraiva*Fnac


Quando Gabriel entrou no circuito nacional foi um barulho...

Todos mencionavam que quem gostasse de 50 tons, gostaria de Gabriel.
Essa publicidade associada causou uma leva de críticas negativas ao livro e eu, assustada com tanto comentário, acabei adiando a leitura.
Até porque estava alucinada de afeto por Grey (50 tons).
Muitos me pediam para ler, mas meu receio permaneceu até ele entrar na indicação do Floripa Book Club.
A paixão que minha amiga Tays mostrou na descrição do livro foi bastante convincente.
Por isso, coloquei minhas resistências de lado e me entreguei a leitura.

Julia Mitchell é aluna de mestrado pela universidade de Toronto, ela quer se especializar em Dante e o principal especialista é o Dr Gabriel Emerson.
Gabriel é um professor eficiente, mas completamente temperamental.
Crises de mau humor e grosseria são frequentes durante suas aulas.
O que Gabriel não lembra é de ter um passado com Julia.
Julia é uma doce jovem com um histórico perturbador.
Sua mãe, alcoólatra, colecionou casos amorosos após seu divórcio, sempre ignorando o bem-estar da filha.
Além de expô-la as investidas de seus amantes, sua mãe não se preocupava com a privacidade de suas relações.
O pai, após anos de negligência, acaba se posicionando e levando a menina para sua cidade, para sua tutela.
Nesta ocasião, ela faz amizade com Rachel (irmã mais nova de Gabriel).
Sua fragilidade e abandono trazem a tona todo instinto protetor da família de Rachel e Julia é amplamente adotada como membro da família.
Gabriel nunca esteve presente, sempre distante, mas Julia era encantada pela foto do rapaz de olhos azuis.
Uma noite, onde finalmente conheceria Gabriel, ela chega na casa dos Clark e pega uma cena de guerra.
Gabriel havia brigado com a família e todos estavam dispersos.
Julia tenta conversar com aquele que seria seu ideal romântico e ele corresponde a esse desejo.
A convida para um passeio em um bosque atrás da casa e a apresenta a um pomar enquanto conta a história de Dante e Beatriz.
Gabriel vê semelhança entre Beatriz e Julia e a bela história se torna uma ponte entre a história desses enlaces.
O casal se beija e adormece no pomar, quando Julia acorda se dá conta que está sozinha.
Humilhada e sem saber o caminho de volta, ela vagueia até chegar em casa e percebe que não pode se iludir com Gabriel, que deve seguir adiante, que ele não corresponderá seu afeto.
Resquícios dessa noite permanecem em sua mente e coração, tanto que ela se dedica a estudar a história de Dante e pretende ser doutora nesse tema.
Apesar de aceita em Harvard, não teve dinheiro para fazer seu mestrado nessa instituição, obrigando-a a ser orientada por Gabriel em Toronto.
Gabriel não lembra dela, é sempre bruto e estúpido, até que descobre que ela é amiga de Rachel e se vê a uma convivência extra-acadêmica-forçada de uma semana com Julia.
Gabriel é o herói romântico atormentado.
Ele foi adotado pela família Clark aos 9 anos, sua mãe morreu no hospital onde Grace era voluntária. 
Perdido, sem ninguém que assumisse sua responsabilidade, ela o leva para casa e o assume como filho.
Gabriel tem conhecimento desse amor, mas os anos em companhia da mãe e sendo ignorado pelo pai lhe cobram emocionalmente.
Cresce atormentado, se envolvendo com tudo que não deve e é numa dessas noites que conhece Julia.
Sob efeito de tudo que não deve... com isso, não guarda a memória exata dos fatos, mas há algo de familiar.
Um toque, um olhar, uma sensação... 
Julia é sua aluna e ele não pode se envolver com alunos, além do que, acredita não ser bom para ninguém.
Achei o livro suave, envolvente e viciante.
Tanto Gabriel quanto Julia guardam grandes segredos de suas jornadas que obviamente não revelei, ambos possuem grandes traumas e aos poucos vamos nos familiarizando a eles e entendendo melhor suas dinâmicas de atuação.
Os personagens são meticulosamente construídos, o enredo é bem amarrado e a sensualidade é sutil e crescente.
Me apaixonei pela história!
Linda!
O ponto negativo vai para o final que achei redundante, repetitivo e extensivo demais.
A autora quis mostrar a rendição e acabou me cansando... leiam e me falem se tiveram a mesma impressão.
Esse livro faz parte de uma trilogia:

  • O inferno de Gabriel
  • O julgamento de Gabriel
  • Gabriel's Redemption (previsão para primeiro semestre de 2014)

Meu único lamento foi de ter adiado tanto essa leitura.

Ahhh e de ter estourado um achocolatado na bolsa que o livro estava. hehe



Um comentário:

Ana Carolina Vivan disse...

Nossa! Achei o enredo bem interessante e não percebi semelhança com 50 tons tb!
Minha próxima leitura. =)

Postar um comentário

Comentários preconceituosos e desrespeitosos serão ignorados. Manifeste sua opinião com educação. =)