segunda-feira, 15 de julho de 2013

Irresistível - Seven years to sin - Sylvia Day


Irresistível
Autor: Sylvia Day
Editora: Halime
Ano Edição: 2013
Número Edição: 1
Páginas: 225
Compre aqui:
*Cultura*Saraiva*Submarino


O anúncio desse livro veio quando eu terminava Crossfire segundo e estava bastante empolgada com nossa excelentíssima Sylvia Day.
Comprei no desespero e passei ele na frente de vários desejadíssimos da estante.

As vésperas de seu casamento, Jéssica, enquanto passeia com seu cachorrinho no bosque, defronta-se com uma cena no mínimo curiosa...
Encontra o melhor amigo de seu cunhado trocando favores sexuais, numa clareira, com uma senhora casada em troca de retorno financeiro (falei sutilmente, né?).
A cena inspira instintos primitivos na moça, de tal forma que ao voltar para a casa, ao reencontrar o noivo, ela pede que ele a tenha, já que falta tão pouco para ser oficialmente sua.
Eles se casam, passam anos de felicidade, mas uma doença inesperada o leva prematuramente.
Vivenciando seu luto e a dor pelo companheiro querido, Jéssica decide fazer uma longa viagem a Jamaica para tratar de terras herdadas do marido.
Ela não esperava que Alistair (o misterioso do bosque) fosse o proprietário da embarcação e que ele tivesse tramado para ter momentos de solidão ao lado dela.
Claramente, ele visa a sedução e ela guarda em seu âmago as memórias sensuais daquela véspera de suas núpcias.
Paralela a história de Jéssica, acompanhamos a trajetória de Hester, sua irmã.
Hester casou-se com um homem distinto, mas sempre teve olhos para o cunhado de Jéssica, Michael.
O que Hester não imaginava era que seu marido se transformaria agressivamente após o matrimônio.
Vivendo na infelicidade, no silêncio e na vergonha, Hester se resigna na própria sorte, até que uma gravidez vem a lhe trazer uma ponta de esperança ou mais preocupação.
O que dizer?
Bom, é um romance histórico e confesso que achei decepcionante.
Jéssica nem disfarça sua condição de 'mulher da sociedade londrina' e na primeira tentativa de sedução caí literalmente de boca.
Achei a velocidade dos atos incongruentes com o período histórico e com a educação dada as mulheres na época.
O romance de Jéssica acabou caindo em segundo plano e minhas atenções ficaram no triângulo amoroso de sua irmã.
Acreditava que ela pretendia deixar um 'gancho' para um livro exclusivo de Hester, mas também não fui satisfeita nessa expectativa e a condução dessa história paralela também foi fraca e desarticulada.
É uma leitura que poderia ter sido ignorada na minha montanha de livros.

3 comentários:

Bruna B. disse...

Nossa, a sinopse parece filme porno trash! hahaha
Boa sorte no próximo livro, Dê!
Beijo.

Denise Ayres disse...

Sylvia Day, amiga...

Ana Carolina Vivan disse...

Ahhh fiquei curiosa, hein?

Postar um comentário

Comentários preconceituosos e desrespeitosos serão ignorados. Manifeste sua opinião com educação. =)