quinta-feira, 20 de junho de 2013

Um divã para dois - Hope Springs

Um divã para dois - Hope Springs
Elenco: Meryl Streep, Steve Carell, Tommy Lee Jones, Elisabeth Shue, Jean Smart, Susan Misner, Marin Ireland, Ben Rappaport, Brett Rice, Daniel Flaherty, Kayla Ruhl, Lee Cunningham, Patch Darragh.
Direção: David Frankel
Gênero: Comédia Dramática
Duração: 92 min.


Desde que vi o trailer meu radar ficou antenado.
A super estreia foi no dia do aniversário uma das minhas melhores amigas, então, minha atenção foi adiada e hoje, finalmente, pude conferir mais um trabalho da diva Meryl Streep.
Um casal de meia idade, com óbvios problemas de intimidade, chega aos 31 anos de casado.
É interessante ver Kay (Meryl) tentando alcançar um contato com Arnold (Tommy Lee Jones).
Durante o jantar comemorativo do aniversário, ao ser questionada pelos filhos sobre as comemorações, considerei memorável Kay dizendo que o casal aumentou o número de canais da tv à cabo.
Obviamente ela sente que não está feliz e que a falta de intimidade física e emocional tem deteriorado sua vida conjugal.
Nem no mesmo quarto o casal dorme!
Aliás, tenho que contar mais uma passagem digna de tia Meryl.
Bem no início, ela entra no quarto dele, fazendo charminho, insinuando, e ele pergunta se há algo errado com o quarto dela, com a cama dela. 
I M P A G Á V E L !
Bem, com tantos sinal luminosos, nossa Kay se depara com um corredor da livraria de auto-ajuda com vários livros tratando de problemas conjugais e acaba descobrindo um pacote terapêutico meio salgado, mas interessante, com o Dr Feld no Maine.
Usando suas economias, ela adquire o pacote e comunica seu sovino Arnold.
À princípio, ele se recusa terminantemente a participar, a ir, mas acaba cedendo para evitar deixá-la partir sozinha.
Dr Feld é interpretado pelo também excepcional Steve Carell, que aliás, é fantástico em papeis sérios.
Em uma cidadezinha pequena, charmosa e longínqua, o casal passeia e participa de um tratamento intensivo de casal.
Pouco a pouco redescobrindo a intimidade e o amor.
É um  processo árduo, mas como Dr Feld deixa claro: casais o procuram para salvar ou finalizar seus casamentos.
Maravilhoso ver Arnold desesperado para baixar a guarda e permitir a intimidade tão necessária.
Meryl... aaahhh Meryl... não é à toa que é campeã em indicações ao Oscar, vencedora de diversas edições. 
A mulher é um mito! Ainda não vi um filme dela que não merecesse minha  admiração!
Excelente opção!

Um comentário:

Ana Carolina Vivan disse...

Nossa!! Ele está passando direto na tv à cabo.
Verei.

Postar um comentário

Comentários preconceituosos e desrespeitosos serão ignorados. Manifeste sua opinião com educação. =)