quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Bienal do livro RJ - Diário de bordo 04/09/2011

Começo me desculpando pela demora em postar, mas estive tão gripada que foi impossível me mexer na cama.
Último dia nosso de bienal...
Eu e a Liv's decidimos por acordar mais tarde, tomar café com calma e passear bastante entre os corredores.
Já as empolgadas Julianna e Gabriela madrugaram para tentar uma senha da Hilary Duff.
Madrugaram mesmo!!!

Bem.. chegamos a bienal as 10:40 e ainda tinha um frisson de quero senha.
Para vocês terem uma ideia, ainda tinha livro da Novo Conceito (a editora estava dando 50 livros a cada duas horas a quem soubesse a senha divulgada no twitter).
Todas as atenções estavam voltadas para  a mega pop star adolescente Hilary Duff.
Após pegar nosso livrinho, resolvemos dar aquele passeio e o cenário era devastador.
Filas e filas. 
Meninas e meninas chorando, tudo pela musa pop.
Eram poucas senhas e muitas candidatas a uma foto, autógrafo, contato visual, sei lá..
O clima era tenso!!!
A menina passava no vidro das janelas dos autores e era motivo de gritaria e de correria, tive medo de ser pisoteada.
Sério!!
Aliás, ouvi histórias de gente pisoteada na entrada e de um segurança que teria quebrado o braço no tumulto, não sei se a informação é real.
Sei que ficar de papo com a Patoka no estande da Intrínseca gerou tensões musculares, pois a todo momento ouvíamos a gritaria e o corre-corre.
A impressão era que a gaiola de vidro ia desmontar.
Aproveitei bem o dia, peguei vários livros e conversei um monte com essas blogueiras que eu amo de paixão.
Era um clima de despedida e exaustão
Ao mesmo tempo que estava feliz em voltar para casa, já estava com saudades do clima de festa e de confraternização.
É isso, nossa paixão é a literatura, não há dúvidas.
Nosso grupo é grande e de uma diversidade inacreditável e o que nos une é um amor profundo pela leitura.
Só que esse tempo de convivência gerou laços reais, não só virtuais, conversar pessoalmente, mesmo sem saber bem a fisionomia de cada um tinha intimidade conquistada virtualmente, me faço entender?
Ahhh foi muito legal!
Além do que, conheci gente muito legal também.
Levo da bienal a fidelização de laços de amizade e novas amizades.
Despedir de alguns foi mais difícil que de outros, mas a vida toca e a festa uma hora tem que acabar, né?
Chegar ao hotel nos trouxe outra realidade problemática, estávamos voltando com o dobro do volume e peso que viajamos.
Não foi só livros ganhos/comprados, tínhamos toneladas de marcadores a encaixar nas nossas malas.
Dois problemas a resolver: 
1) Espaço físico;
2) Peso de embarque;

Cálculos e logísticas a parte, fizemos um verdadeiro milagre e acabou tudo certo.
Nosso retorno Floripa ainda seria marcado por algumas surpresas.
Para começar, pegamos um taxista super querido que fez um mini tour pela orla atendendo os anseios das meninas que não conheciam o Rio.
Ficou apelidado por "como conhecer o Rio em 20 minutos".
Era parar, tirar foto, correr pro taxi e seguir... isso até o aeroporto!
Mas o melhor estava por vir.
No aeroporto encontramos meu sonho de infância Maurício de Souza e tanananannnnnnnnnnnnnn............................... Hilary Duff!!!!!!
Entrou na sala de embarque do nosso ladinho, conversou com a Gabriela e deu um singelo "Hi" para mim...
Não deu autógrafos, nem tirou foto, pois estava acordando e como está grávida, não pode ser incomodada.
Minhas fotos estão borradas, pois tiradas em movimento, terão que acreditar na minha palavra.
Eu nunca fui fã (até poque não tenho idade para ser) mas queria alguma coisa para trazer para a minha filhota que é fã e inclusive me apresentou ao trabalho da garota... mas... não rolou!
O segurança era grande e tinha cara intimidadora.
Enfim, foi isso, espero que tenham gostado de nossas aventuras e ano que vem tem bienal de Sampa!!!!

2 comentários:

Babi Lorentz disse...

Segurança com cara de bravo perto da Hilary? Rum... Nada demais, né? Parece que ela foi super grossa com o pessoal. Dava o autógrafo apenas "por dar". Mas isso foi o que eu fiquei sabendo. Sei que a Lauren Kate foi ótima comigo, assim como a Jessica Brody e a Thalita Rebouças (linda!).
Pena não termos nos encontrado por lá. =/
Beijão

Julianna Steffens disse...

ooooooo saudades da bienal all ready, quero voltar pro mundo magico!!

Postar um comentário

Comentários preconceituosos e desrespeitosos serão ignorados. Manifeste sua opinião com educação. =)